GO - Alto Paraíso / Chapada dos Veadeiros

Chapada dos Veadeiros

Localizada a 230 km de Brasília em uma chapada com 1.300 metros de altitude média, a região tem diversas nascentes que descem platô abaixo em direção ao Rio Tocantins. A chapada é cercada pelas cidades de Alto Paraíso de Goiás e Cavalcante e a Vila de São Jorge, que pertence à Alto Paraíso, é o portal de entrada do parque e a maioria dos seus moradores atuam como guias. Com dois climas distintos durante o ano, muito seco entre junho e outubro e chuvoso entre novembro e início de maio, o meio ambiente determina o aspecto da paisagem que permanece encantadora durante todo o ano. Para quem gosta de esportes radicais, a chapada é uma excelente opção, aqui se pode praticar canyoning, rapel, trekking e mergulho livre. Muita água limpa, cachoeiras, cavernas entre montanhas belíssimas, além de maravilhosa fauna e flora locais. A Chapada dos Veadeiros também tem seu lado místico, Por ela passa o paralelo 14, o mesmo que corta Machu Picchu e tem em seu subsolo, uma enorme placa de cristal de quartzo.

Alto Paraíso

Alto Paraíso de Goiás está localizado no Nordeste de Goiás, na Chapada dos Veadeiros e desde 2001 é Área de Proteção Ambiental.
Localizada a 230 km de Brasília e a 412 km de Goiânia, sua população estimada é de 7.000 habitantes na área urbana e 2.000 habitantes na zona rural. As belezas naturais de Alto Paraíso incluem paisagens magníficas, cânions, paredões rochosos, rios cristalinos, cachoeiras, piscinas naturais, flora típica de cerrado de altitude e fauna endêmicas. A cidade conta com uma ótima infra-estrutura voltada para o turismo com pousadas, restaurantes, bares, pizzarias, lojas de artesanato e cristais.
É considerada a cidade mais fria e a mais alta de Goiás, com um clima tropical de montanha, seco e frio no inverno e ameno e úmido no verão. O município tornou-se conhecido na década de 70, devido à presença de inúmeros grupos místicos, esotéricos e praticantes de meditação que vieram motivados pela imensa beleza natural do santuário ecológico, como também por ser o "Chacra Cardíaco da Terra". O imenso lençol subterrâneo de cristais e águas exerce forte energia sobre a região. São comuns no local as histórias sobre discos voadores e seres extraterrestres. Os buscadores de paz e espiritualidade estão na lista dos maiores visitantes de Alto Paraíso.

A exotérica Alto Paraíso

Por onde passamos, Alto Paraíso nos lembra um filme de ficção científica, com suas construções exóticas. A cidade é bastante aconchegante, limpa e voltada para o turismo exotérico. Vale a pena conhecê-la.

Vila de São Jorge

A vila São Jorge é um bairro de Alto Paraíso, bem distante do centro, localizada na entrada do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, que parece ter parado no tempo. As ruas não tem asfalto nem calçamento, são de terra revirada com o cristais que estão sob o solo, as casas residenciais e comerciais são de construção bem simples, mas muito aconchegantes. Os habitantes da vila são muito simpáticos e acolhedores e vivem do turismo, comercializando produtos derivados dos cristais e do ecoturismo. Vale a pena acordar bem cedo, contratar um guia e fazer pelo menos uma das trilhas pelo parque. No silêncio da noite ouve-se o vento soprando e o barulho de bichos noturnos, ideal para quem quer relaxar.

Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

O Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros foi criado por Juscelino Kubitschek em 1961. O parque é de beleza única e imcomparável, a cada kilômetro percorrido, a paisagem se transforma, surpreendendo e revelando cores e contrastes inimagináveis. Em alguns locais do parque os limos que revestem as pedras tem uma cor alaranjada, que conforme relato dos guias, quer dizer que o índice de poluição é praticamente zero. Algumas trilhas são cansativas, mas no final o cansaço é compensado pela beleza que nos aguarda. O som é maravilhoso: dos pássaros, das cachoeiras e do vento. Em determinadas trilhas, chega-se a ouvir o ruído das águas passando ao nosso lado em pequenas corredeiras. Definitivamente uma obra das mãos de Deus.

Vale da Lua

O Vale da Lua é um dos pontos mais visitados na Chapada dos Veadeiros, no município de Alto Paraíso de Goiás. É um conjunto de formações rochosas cavadas nas pedras pelas corredeiras de águas transparentes do rio São Miguel. Está fora do Parque Nacional, na Serra da Boa Vista, num vale que se torna muito perigoso na época da chuva devido às repentinas trombas d'água. O nome Vale da Lua vem da aparência que lembraria uma paisagem lunar, com pequenas crateras escavadas pelo atrito da areia levada pela água com as rochas, nas curvas onde as corredeiras são mais fortes, dando origem a pequenos rodamoinhos e funis. Está localizado a 11 km de São Jorge pela rodovia GO-239, entrando-se por uma estrada de terra do lado oposto ao Parque Nacional. Para visitar é necessário o pagamento de uma pequena taxa na entrada e atrilha é de fácil acesso.